Inscreva-se

terça-feira, 12 de janeiro de 2010

Esquecimento - Virgílio Azevedo



O meu artista de momento é o Virgílio Azevedo (meu conterrâneo)!!!

Vou revelar algo aqui. Eu dava aulas na esquina mais elegante de Uberlândia. É o quarteirão da cultura, entre Avenidas Afonso Pena e João Pinheiro. Eu digo quarteirão da cultura porque neste lugar, especialmente na rua Santos Dumont, é o endereço do Uberlândia Clube e do Teatro Rondon Pacheco. Ah! Casa da Dona Cora!!! Explica isso melhor Virgílio!

Então, nos horários de sair para comer uma quitandinha, eu quase sempre encontrava meu amigo por lá. O cara sempre olhando diferente, contemplativo, fino, meio desligado daquela loucura de centro de cidade... parecia sempre conectado no próximo samba...

E toda vez que este cara me via eu ganhava um super abraço. Puxa! Quanta saudade daquele tempo... Que energia ele transmitia!

O mais legal é que toda vez que ouço "Esquecimento", eu me emociono. Tudo se renova e todas essas emoções e belos momentos vividos perto desse meu grande amigo do peito se voltam e me enchem de alegria!

Muito obrigado pelo "Esquecimento"! (salve, salve Virgílio Azevedo!)

2 comentários:

Abnáder disse...

Jamais irei esquecer o esquecimento!!!
Abraço,
Abnader.

Blog do Professor Graciano Arantes disse...

Meu pianista favorito!

Valeu amigo, participe sepre!

Entre Em Contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Conteúdo